sábado, 4 de junho de 2011

Analisando o trailer do remake de "Os Homens Que Não Amavam As Mulheres"

Em 2009, foi lançada a versão cinematográfica sueca da trilogia de livros Millenium, do escritor e jornalista Stieg Larsson, pelos diretores Niels Arden Oplev (que dirigiu o primeiro filme) e Daniel Alfredson (os outros dois). Agora, o diretor David Fincher (de A Rede Social) dirigirá um remake de toda trilogia. O primeiro filme, Os Homens Que Não Amavam As Mulheres, chega em fevereiro de 2012 no Brasil, e estamos torcendo para que não "americanizem" a série. Hoje, foi divulgado oficialmente o trailer do filme - que deixa algumas dúvidas.

Por isso, decidi fazer uma análise do ótimo vídeo, com prints e explicações de cada cena. Claro: esta postagem só é recomendada para quem já leu o livro ou não tem problemas em spoilers sobre a trama deste. Confiram e comentem:














A imagem não está muito boa, mas pode-se perceber que, no começo do trailer, um carro está chegando no que parece ser Hedeby. No fim desta estrada nevada, nos depararemos com uma mansão que não deixa (ou deixa?) dúvidas de ser a casa de Henrik Vanger. Estranho, já que, no mapa que está no livro, percebemos que tal local não é tão longe deste jeito.














Antes de Harriet Vanger desaparecer, ela deu um presente de aniversário ao seu tio Henrik. O presente era uma flor pregada em um retrato. Depois de seu sumiço, Henrik Vanger continua recebendo o mesmo presente (só que com plantas de diferentes espécies) todo ano. Ele acha que quem lhe manda estes retratos é o assassino de sua sobrinha. Sobre o vidro, o óculos de Henrik.














A imagem está em péssima qualidade, mas podemos perceber que este é Mikael Blomkvist saindo do julgamento onde é condenado por três meses de prisão. Na frente, os jornalistas tentam lhe fazer perguntas.














Não podemos perceber nitidamente, mas tudo indica que esta é a primeira aparição de Lisbeth Salander no trailer. Parece que está falando ao celular.














Visão panorâmica da ponte que liga Hedestad à Ilha Hedeby. Há um carro passando pelo local em direção à ilha. Talvez Mikael Blomkvist?

Segmento: No sótão das plantas








































Henrik Vanger mostra ao jornalista Mikael Blomkvist todos os retratos mandados à ele durante todos os anos, desde o sumiço de Harriet. Parece que haverá um sótão/quarto apenas com os quadros recebidos, na mansão de Henrik. Perceberam que, até agora, as cenas do trailer seguem uma ordem parecidas com a do livro? Pode ser a ordem presente no filme também.














A imagem não está em ótima qualidade, mas podemos ver os barcos procurando pelo corpo de Harriet no mar, há trinta e nove anos atrás, quando ela desapareceu.














Martin Vanger aparece pela primeira vez, abrindo uma porta, na pele do ator Stellan Skarsgård.














Policiais com lanternas procuram por Harriet Vanger na floresta da ilha Hedeby.


Após encontrar uma pista em uma foto tirada em um desfile em Hedestad no dia do desaparecimento de Harriet, onde a garota aparece olhando um ponto fixo assustada, Mikael Blomkvist vai até o local para tentar descobrir para onde a jovem olhava.














Mikael Blomkvist começa a entrar no mistério de Harriet Vanger construindo a grande árvore geneálogica da família. No dia do desaparecimento dela, quarenta integrantes desta extensa família estavam no local. Qualquer um pode ser o culpado pelo seu sumiço.














Esta foto é confusa. Pode ser Dirch Frode, o advogado de Henrik Vanger, já que ainda nem foi confirmado quem será o ator que o interpretará. Vi algumas fotos do ator Bengt Carlsson, que fará Holger Palmgren, e talvez possa ser ele, mas acho improvável. No começo, achei que fosse o Detetive Morell, mas, olhando fotos do ator Donald Sumpter (que fará este papel), e acho ainda mais improvável que seja ele. Nos demais personagens que revisei, como Nils Bjurman e Dragan Armansky, também não encontrei semelhanças. Fica a dúvida.














Aqui está a tal foto do desfile. Esta imagem tem muita importância para a resolução da trama. Embaixo, pode-se notar um dos carros que estavam desfilando na rua.














Imagem em péssima qualidade, mas pode-se notar Lisbeth Salander mais nitidamente do que na primeira foto em que ela supostamente aparece. Não podemos perceber direito onde ela está. Talvez na casa onde Blomkvist está hospedado, em Hedeby.














Vista de alguma cidade da trama. Talvez Estocolmo ou Hedestad. O letreiro na frente não favorece nenhuma informação sobre qual cidade é esta. "Garaget", em sueco, significa "garagem"; porém, sabemos que há algumas letras anteriores, como este visível "e". É interessante observarmos que, mesmo sendo um filme americano, ele mantém a fidelidade ao local onde a trama ocorre: Suécia.














Um carro chega perto destes dois homens, que não descobri quem é. Pensei que poderiam ser Dragan Armansky e Dirch Frode. Outra dúvida deixada.














Durante toda a narração e investigação do mistério, com certeza serão mostradas algumas cenas do que os personagens estão falando. Neste caso, o jantar da família Vanger no dia do sumiço de Harriet. Na ponta, um jovem Henrik Vanger.














Outra grande dúvida. Essa casa aparece diversas vezes durante o trailer (pelo menos eu acho que é ela). Pode ser, talvez, a mansão de Martin Vanger. Lembre-se de que, no filme de 2009, a casa dele é cheia de vidros.














A primeira aparição dele: Nils Bjurman. O novo tutor de Lisbeth Salander abusa sexualmente dela. Em troca, ele dá a ela o dinheiro que precisa; afinal, ela não tem direito de cuidar da própria conta bancária, já que é considerada retardada pelo governo. Neste momento, ele está em seu escritório, junto com ela.

Segmento: A História de Harriet















Nos livros, Mikael Blomkvist participa de vários jantares com Henrik Vanger em sua mansão para que este o deixe informado sobre os mistérios do desaparecimento de Harriet, como os principais suspeitos do rico empresário, quem estava cuidando do caso, os lugares que Harriet frequentava, a ligação desta com a família, etc.















A estrada novamente. Desta vez, um o carro está pouco mais perto do que parece ser a mansão de Henrik Vanger.

Segmento: O Acidente na Ponte


Um dos mistérios mais intrigantes no desaparecimento de Harriet Vanger é que o corpo dela nunca fora encontrado. Ninguém sabia se ela fora mesmo assassinada, mas não tinha como ela sair da ilha Hedeby, já que a única ponte de ligação com o outro lado estava interditada por um acidente de carro.


Não sei quem é este homem. Pode ser qualquer um, mas aposto entre Mikael Blomkvist e Martin Vanger.


Novamente a estrada. Desta vez, apenas um pouco mais perto.


Segmento: Procurando Pelo Tio (?)


Henrik Vanger viu sua sobrinha pela última vez alguns minutos antes de ela desaparecer. A garota queria falar algo importante para ele; mas o empresário estava muito ocupado para dar atenção à garota. Henrik ficou muito arrependido com isso mais tarde. Nas imagens acima, talvez seja Harriet Vanger procurando pelo tio. A jovem empregada que se destaca na segunda imagem olha para a jovem quando esta chega neste cômodo. Importante observarmos que a tal empregada pode ser Anna (a governanta de Henrik que continua viva e no mesmo cargo até o dia em que o mistério é desvendado e até chega a ajudar Blomkvist em um momento).

Segmento: Investigando Ao Redor da Ilha



Foi difícil descobrir esta primeira imagem, mas consegui após rever milhares de vezes o mesmo frame do trailer. O homem na foto é o mesmo policial que está na segunda foto (creio eu). Ele está em um barco, procurando talvez por Harriet quando ela desapareceu, e está passando por baixo da ponte de Hedeby, por onde um carro da polícia passa.

Mais tarde veremos que é Lisbeth Salander esta na frente do que parece ser uma loja. Procurei em todo o lugar o nome que aparece no letreiro. "Sjöströms" parece ser um sobrenome; e "livs" é vida em sueco. Eu imaginei que fosse aquela fábrica que aparece no adesivo de um carro em uma das fotos do desfile, e que Blomkvist tenta encontrar o endereço. Se alguém tiver uma hipótese, comente, por favor.

Acho que este é Martin Vanger em suas cenas finais, segundo o clima sombrio da fotografia desta cena. Mas é apenas um argumento.

E o carro continua andando: a mansão cada vez mais perto.

Segmento: Uma Detetive Peculiar



Primeiro imaginei que este cômodo onde Lisbeth Salander (vivida pela atriz Rooney Mara) se encontra fosse a câmara onde Martin Vanger abusava de mulheres, e as fichas nas paredes fossem documentos com informações sobre estas (assim como no livro). Porém, acho mais cabível que esta cena represente a primeira vez em que Lisbeth entra na casa onde Blomkvist está hospedado em Hedeby, devido à mochila em suas costas e às fichas com informações sobre quem estava presente na ilha no dia em que Harriet desapareceu. Lisbeth começará a ajudar Blomkvist neste mistério.

Mikael Blomkvist olha rapidamente algum objeto em sua mão - que parece ser um dos retratos que Henrik Vanger recebe de presente todos os anos. Este frame, na verdade, está presente no trailer entre as duas imagens avaliadas no segmento acima. 

Não entendi muito bem essa cena. Essa cabana ao fundo talvez seja a Cabana de Gottfried. O homem à frente talvez seja o próprio, quando ele estava vivo.

Lisbeth Salander em sua moto na ponte de Hedeby. Talvez seguindo o carro de Martin Vanger até ocorrer o acidente que o mata?

Pelo que se entende, este é o trem que Mikael Blomkvist pega para ir à Hedestad e, depois, chegar à Hedeby.

Mikael Blomkvist, em alguma rua de Hedeby, parece estar mastigando alguma coisa. Em sua mão, talvez seja um maço de cigarros. À frente, não dá para perceber muito bem quem é, mas aposto em Lisbeth Salander ou em Isabella Vanger.

Algum funcionário de Henrik Vanger, talvez o advogado Dirch Frode, leva até a casa onde Blomkvist se hospedará os materiais sobre a investigação do caso Harriet Vanger.

Hedestad? Talvez. Mas acho que também possa ser o Tribunal em Estocolmo onde Mikael Blomkvist foi julgado.


Lisbeth Salander nunca duvidou de sua heterossexualidade, mas, mesmo assim, às vezes tinha algumas aventuras homossexuais. Logo acima, uma de suas aventuras. Não me lembro nesse exato momento o nome da garota que está com ela, e não estou com o livro aqui. Quando eu estiver, faço questão de colocar.

Não dá pra ver muito bem, e a imagem foi cortada, mas aqui está Mikael Blomkvist em um lugar que parece aparecer algumas vezes. Em cima da mesa, um animal que parece um gato se mexe. Este gato pode ser aquele que o visita na casa onde ele está hospedado em Hedeby nos livros. Assim, este local seria esta casa. Porém, acho que este lugar possa ser a casa de sua propriedade onde ele fica nas últimas páginas do livro, escrevendo sua matéria final sobre o caso Wennërstrom. 


Pela primeira vez, Lisbeth Salander aparece nitidamente. Esta na sua frente talvez seja seu explorador tutor.

Os policiais chegam ao acidente na ponte de Hedeby no dia do desaparecimento de Harriet Vanger.

Segmento: A Chamada Misteriosa



Uma cabine telefônica em frente a ponte de Hedeby? Isso não tem nos livros. Talvez seja uma adaptação do filme, onde Blomkvist usa essa cabine para telefonar para alguém quando está sem telefone na casa onde está hospedado na ilha. Reparem no carro passando lá atrás, na ponte. Na outra imagem, ele olha misteriosamente para o vidro. No reflexo, vimos a ponte. Será que esse olhar se refere à este carro? Na próxima imagem, um senhor está com um celular no ouvido. Será que Blomkvist estava ligando para ele? E quem será ele?


Novamente aquela casa misteriosa que aparece no começo (pelo menos eu acho que é a mesma). Reparem que há um homem, que está sendo refletido no espelho. Ele é um pouco calvo, o que me leva a desconfiar ainda mais que essa seja a mansão de Martin Vanger. Parece que há duas pessoas no lado esquerdo da foto. Já no canto direito, vemos uma câmera. Mistério...


Lisbeth Salander anda com sua moto fazendo pessoas vestidas de preto desviarem, em um lugar que parece ser Hedeby. Na minha opinião, estas pessoas estão indo à casa de Isabella Vanger para dar os pêsames à ela pela morte de seu filho Martin Vanger.


Quem será? Dirch Frode?

Mikael Blomkvist pratica mais uma de suas caminhadas pelos terrenos da ilha Hedeby.


Lisbeth Salander sentada em uma cama, lendo vários papéis. Pelo luxo do quarto, este com certeza não é seu apartamento. Acho que este é o quarto do hotel de luxo onde Lisbeth se hospeda quando cria várias identidades para roubar a fortuna de Wennërstrom com as cento e vinte mil libras emprestadas por Mikael Blomkvist.

Segmento: O Futuro Da Millenium


Com a prisão de Mikael Blomkvist, vice-presidente da revista Millenium, a reputação da revista ficou afetada, à ponto de Erika, a presidente da magazine, aceitar uma sociedade com as Empresas Vanger. Para isso, eles realizam uma reunião na mansão de Henrik Vanger.

Mikael Blomkvist apresenta à Lisbeth Salander todos os lugares e moradores de Hedeby.

Novamente aquela casa misteriosa com o gato aparece. Dessa vez.Mikael Blomkvist está em seu notebook. O bichano aparece rapidamente. Isso pode confirmar que esta casa é a casa de hóspedes em Hedeby.


Aqui está Harriet Vanger no desfile em Hedestad.Na segunda foto, a fotógrafa logo atrás dela é relevante para a trama. 



No mesmo cenário da casa do gato, o jornalista Mikael Blomkvist parece ter encontrado algo de extrema importância em seu notebook. Em três frames divididos por frames da estrada nevada (à seguir), ele retira o óculos com extrema atenção.


E o carro vai chegando cada vez mais perto.

Mais fotos do desfile em Hedestad sendo examinadas por Mikael Blomkvist.

Segmento: Pânico da Floresta



Em uma de suas caminhadas pela ilha de Hedeby, Mikael Blomkvist quase leva um tiro de espingarda na cabeça. Ele corre pela floresta, até que um tiro acerta seu ombro. Rastejando entre arbustos e urtigas ele chega à casa onde está hospedado e percebe que alguém não quer ele ali.

No livro, quando Lisbeth Salander segue Martin Vanger com sua moto na ponte que liga Hedeby à Hedestad, ele sofre um acidente e seu carro explode. Ela dá meia-volta e chega em Hedeby novamente. Porem, no filme de 2009, ela desce de sua moto e vai ver o carro pegando fogo. Se eu estiver certo, a cena acima refere-se à isso.

Lisbeth Salander está assustada dentro do que parece ser seu apartamento. Talvez seja quando Mikael Blomkvist entra na casa dela? Ou talvez uma aparição de seu tutor, já que na imagem à seguir ele entra em uma porta que parece estar no mesmo cenário que esta.

E aqui está ele: Yorick van Wageningen como o tutor Nils Bjurman.


Segmento: Uma Péssima Estrutura Familiar


Não tenho certeza, mas acho que essa garota que foge correndo do que parece ser uma casa é Harriet Vanger. Reparem que a blusa dela está desabotoada, o que poderia significar uma das vezes que ela é estuprada. O homem que vemos sair em seguida pode ser seu pai, Gottfried, ou seu irmão, Martin Vanger.


Outra cena que não podemos entender o que se passa, mas o cenário parecer ser o mesmo daquela casa misteriosa com a câmera fotográfica.

Erika Berger? Talvez. Reparem que a luminária ao fundo se parece muito com aquela da imagem onde Lisbeth Salander está com a mochila nas costas. Não deve ser o mesmo cenário, mas será que a produção anda reaproveitando alguns objetos cenográficos? Mais para frente veremos o mesmo cenário.

Fácil esta. Lisbeth Salander é abusada sexualmente pela primeira vez por seu tutor. Ele a obriga praticar sexo oral; em troca, ele liberava o dinheiro que ela precisava.

Henrik Vanger é internado após sofrer um ataque cardíaco. Talvez essa cena deva se referir à quando ele está na cadeira de rodas.

Mikael Blomkvist tem uma ância de vômito no que parece ser algum tipo de varanda em sua casa em Hedeby. Talvez seja quando ele vê o gato ruivo morto covardemente em frente sua porta. 

Qualquer homem não identificado que aparecer por aqui pode ser considerado Dirch Frode. Pela roupa, pensei também no pastor de Hedeby ou até mesmo no juiz do Tribunal que condena Mikael Blomkvist. Não encontrei nenhum ator confirmado no elenco que se pareça com este.

Aqui está novamente aquele cenário com a luminária e Erika Berger. Será seu apartamento ou o de Mikael Blomkvist?

A cena do trailer que mais nos permite entender como será Hedeby no filme. Ao lado direito podemos ver a Igreja, assim como no filme, e as casas mais ao fundo. O estranho é que a casa mais visível ao fundo, pelo que dá para entender no livro, seria a de Mikael ou de Henrik Vanger, mas, se for a deste segundo, aquela mansão que veremos mais para frente no final da estrada nevada talvez não seja a dele. Mas fica a observação de que a Hedeby do filme poderá ser ligeiramente menor, já que, mesmo a igreja estando do lado certo do mapa, está muito perto da ponte.

Esta é a única vez em que ela aparece no trailer: a atriz Geraldine James como Cecília Vanger.


Lisbeth Salander corre com sua moto.


Segmento: Desesperados

Miikael sai correndo da casa misteriosa com a câmera e parece pular de algum relevo mais alto ou escorregar. No mesmo cenário (talvez), Lisbeth Salander também está à correr assustada.

De novo aquele mesmo senhor que apareceu algumas imagens atrás.


Pensei em Erika Berger, mas essa mulher loira pode ser Lisbeth Salander, em um de seus disfarces para roubar a fortuna de Wennerström.


A imagem está em preto e branco porque é a gravação de uma das câmeras que Lisbeth escondeu na casa onde ela e Bomkvist se hospedam em Hedeby. O homem passando correndo por ali pode ser Martin Vanger, tentando abrir a porta.

Mikael Blomkvist olha para você. Aqui podemos dar a certeza de que esta é a casa em que ele se hospeda em Hedeby, porque podem ver na parede do lado direito as fichas que estão naquela foto de Lisbeth com a mochila, e também é a mesma casa do gato. É... o cenário deste local é bem diferente do filme de 2009.














Difícil... não lembro de nenhuma escada em caracol no livro. Essa é Lisbeth, sem sombra de dúvidas, e parece ser um extintor ali ao lado.














Um grande spoiler: Anita Vanger ajuda Harriet Vanger à arrumas as malas para fugir de casa. Porém, ela faz um gesto rude para a prima, como se tivesse a impedindo de fazer alguma coisa. O que será?














Lisbeth Salander é estuprada pelo tutor, mas, dessa vez, é ele quem sai perdendo.

Segmento: Os Homens Que Não Amavam As Mulheres




























Uma estranha cena que não há no livro. Mikael Blomkvist está em um cômodo, que parece ser subterrâneo, segurando uma taça com bebida. Na segunda foto, gases são expelidos de canos no teto, e, logo após, é mostrada a taça caindo no chão e se partindo. Eu pensei que fosse a câmara onde Martin abusa secretamente das mulheres, mas lembramos que no livro ele é preso com algemas pelo próprio e levado ao local. Já aqui, ele está de livre e boa vontade, ao que se parece. Hipóteses: Há muitas fotos em uma casa de vidro misteriosa (no filme de 2009, a mansão de Martin era cheia de vidros) por onde um homem anda. Este homem pode ser o próprio Blomkvist, entrando escondido na casa de Martin e encontrando tal câmara, além de pegar alguma bebida. Outro argumento é que ele é levado por Martin ao local amigavelmente e esse gás faz ele desmaiar; deixando Blomkvist nas mãos de Martin. Já o meu último, é que ele entre escondido na casa de Harald Vanger (como no filme de 2009), e, andando por lá, encontra essa câmara. Lembre-se de que Harald tem tendências nazistas, e a câmara de gás era uma das formas de Hitler matar os judeus. Assim, o enredo do filme talvez poderia desencadear várias outras tramas. Esta é a grande dúvida, mas acho a minha segunda opção mais plausível.














Lisbeth Salander, talvez passando mal ou algo assim. Este cenário já foi mostrado, naquela foto em que ela está assustada, tentando fugir de alguém. Ou seja, esse pode ser o apartamento dela.














Esse corredor tem o mesmo clima da foto que virá à, o que me leva a dizer que este é o corredor do apartamento do tutor Nils Bjurman.














Sabendo que iria ser estuprada, Lisbeth Salander leva uma câmera escondida à casa de seu tutor, e filma tudo o que aconteceu. Em um outro dia, volta ao local e, com uma espécie de arma de choque, neutraliza Bjurman, que acorda amarrado em sua cama, nu. É aí que Lisbeth faz uma tatuagem em sua barriga, e é isto que a cena acima mostra.


Lisbeth Salander tira uma foto com peruca loira para fazer uma identidade falsa. Ela cria duas personagens diferentes para conseguir roubar a fortuna de um empresário milionário.

Com o carro ainda se movimentando, agora nós podemos ver uma parte da mansão, ao fundo da estrada.


Segmento: O Homem Que Não Amava As Mulheres





Após Lisbeth e Mikael descobrir seu sadismo, Martin Vanger pega seu carro e tenta fugir. Porém, Salander vai atrás dele em sua moto e um acidente acaba acontecendo, ocorrendo na morte de Martin. Vários frames do trailer mostram isso.

A tal casa misteriosa novamente. A cada vez que ela aparece, mais eu acredito que seja a mansão de Martin Vanger. No livro é dito que sua casa é a mais contemporânea de Hedeby, e esta aqui faz bem o estilo dele. O homem correndo deve ser Mikael Blomkvist. Seja o que for, o roteirista do filme está adaptando tanto o filme de 2009 quanto o livro, pelo o que o trailer já apontou.

Lisbeth Salander, assustada novamente. Com a mesma expressão que vemos naquela outra imagem, podemos perceber.

Alguém corre agachado diante da mansão que encontraremos no fim da estrada, e que acho que é a Mansão de Henrik Vanger. Não faço a mínima ideia de quem seja essa pessoa, mas pode ser que ela esteja machucada, o que me leva a crer que possa ser Mikael Blomkvist após ser atingido por um tiro.

Segmento: Punk de alma, e não de corpo


Pode ser Erika Berger ou Anita Vanger, mas a melhor alternativa é que essa seja um dos dois disfarces de Lisbeth Salander para roubar a fortuna de Wennerström. Carro moderno, loira, óculos, roupa que parece ser de grife: tem tudo a ver.

Henrik Vanger não aparecia na mídia há vinte anos, até que se associou à Revista Millenium. Com isso, ele foi convidado a fazer muitas entrevistas, mas, por estar bem velho e não poder se deslocar com muita facilidade, as equipes de televisão foram até a sua mansão para entrevistá-lo. Na imagem acima podemos vê-lo acompanhado de um jornalista em seu esccritório, com vários equipamentos em volta.

Mikael Blomkvist, vivido por Daniel Craig, o James Bond de 007 - Cassino Royale.

Martin Vanger no que parece a mesma cena da primeira imagem em que ele aparece no trailer.

Uma obscura Lisbeth Salander. O maior medo dos fãs é que o filme de David Fincher faça com que a personagem imponha medo ao público. 

Hedeby, talvez? Se eu estiver certo, ou estamos vendo a cabana de Gottfried ao fundo, ou essa é a visão de quem está na cabana de Gottfried.

Segmento: Inverno em Hedeby


Não entendi muito bem o que Mikael Blomkvist, mas ele está com a mesma roupa que vimos algumas imagens atrás. Ele parece estar fazendo um sinal. Talvez ele esteja fazendo um sinal para Lisbeth Salander, que está chegando pela primeira vez em Hedeby? Talvez.

É um E.T.? NÃO! É LISBETH SALANDER! Esta cena deve se referir a quando Lisbeth instala câmeras escondidas na casa em Hedeby. Como vimos algumas imagens atrás, a visão dessas câmeras é em preto e branco.

Agora, além da mansão, podemos ver algumas casas do lado. Se essa for mesmo a mansão de Henrik Vanger, talvez a fidelidade do filme para com o mapa Hedeby não seja das melhores. No livro, sua mansão fica na esquina, e há casas apenas para a esquerda. Como podemos ver aqui, há uma casa pela direita.

Uma silhueta na janela, que parece ser a de um homem. Podemos nos lembrar que, no livro, Harald Vanger vive espionando pela janela de sua casa. Porém, essa pessoa na imagem tem um aspecto um tanto jovial para ser Harald, o que me leva a crer que há uma cena no filme onde um jovem Harald Vanger espia pela janela, referindo-se ao que, mais tarde, aconteceria.

Um homem parece pegar uma faca em uma casa que tem tudo para ser aquela mesma casa misteriosa com a câmera fotográfica.

"Columbia Pictures presents: From The International Best-Selling Trilogy" - Columbia Pictures apresenta: Da trilogia best-seller internacional.

Cada vez mais perto. Os cenários desse filme são espetaculares!

Mikael Blomkvist reflete. Ou será, pelos olhos vermelhos, que essa seja a cena onde ele acorda, logo após ter desmaiado após ser afetado pelo gás que saiu daquela câmara? A vestimenta é parecida.

A garota com a tatuagem de dragão. Nos livros, é dito que a tatuagem fica do lado direito. Aqui ela deve estar tomando banho, logo após ter sido estuprada pelo seu tutor.

"The feel bad movie of Christmas." - O filme ruím do Natal. Este ruím se refere ao tema do filme, e não à sua qualidade, claro. Lembro vocês que, nos Estados Unidos, o filme estréia na semana de Natal. No brasil, apenas em fevereiro do ano que vem.

Segmento: Sozinha na Escuridão

Lembra daquela loja que apareceu lá no início? Aqui está ela novamente. Lisbeth Salander parece ser aquela pessoa que aparece lá no começo do trailer. Porém, lembramos que havia um carro do lado, e, neste segmento, ele não aparece. Será que aquela pessoa que estava em pé em frente a loja não era Lisbeth, e sim uma pessoa que ela observava chegar?









Até que enfim: chegamos à mansão!

"The Girl With The Dragon Tattoo." - A Garota com a Tatuagem de Dragão. O título de gosto duvidoso do livro nos Estados Unidos.

Coming. Lisbeth Salander aparece na fresta de uma porta no último frame de imagens do trailer.



E aqui termina este especial, que me rendeu várias e várias horas em frente ao computador. Gostaram do trailer? Confira a ficha técnica completa do filme clicando aqui.

1 comentários:

ALL WE NEED IS LOVE disse...

Muito bom, amei o livro, espero que o filme seja bem fiel a ele *-*

Postar um comentário

Gostou do café? Comente!